25 de jan de 2012

Entre sentimentos e emoções.

Legenda da foto: Quando eu te vejo sorrir


O amor é um mistério.” E quem nunca ouviu isso, ou quem nunca pensou nisso ?! Alguns meses atrás comecei a entender o que realmente o amor é, além das sensações e das emoções, algo mais científico.
Primeiramente, entender o que são sentimentos e emoções.
Sabe as borboletas no estômago, os olhos brilhantes, quando seu coração bate mais forte por alguém, fica ansiosa, nervosa e um sorriso enorme estampa seu rosto sem ao menos você perceber. Essa é a tal da paixão, uma emoção, algo agudo e transitório. A paixão é o jeito que o seu corpo encontrou de avisar outra pessoa que uma força maior, totalmente incontrolável, fará com que você esteja sempre por perto.
Uma paixão pode ultrapassar barreiras e vencer batalhas, e é lógico que quando uma paixão é correspondida gera felicidade e satisfação ao apaixonado. E nós adolescentes estamos sujeitos a nos apaixonar mais vezes, mas que com o tempo e um pouco de conhecimento sobre as pessoas e o mundo se torna cada vez menor.
Porém, uma paixão não dura pra sempre, tem o seu prazo de validade: até 3 anos. É depois desse tempo, que as borboletas vão desaparecendo, que as emoções vão se transformando, mas não se preocupe, se preocupe sim, pois as emoções podem se um sentimento ou uma dependência.
Vai me dizer que você nunca conheceu alguém dependente emocional ?! Sabe aquela pessoa que diz não terminar ou deixar alguém por não ter outra opção, algo melhor, ou disse aquela famosa frase: "ruim com ele, pior sem ele". Acredite que é quase 100% de certeza essa pessoa ser dependente emocional.
Mas a parte boa é que quando somem as borboletas, e você sai da montanha-russa, vem a calmaria, ai que paixão se transforma em amor. O amor que tantos falam, e que poucos entendem, um sentimento como os outros atenuado e durável. E essa atenuação e essa calmaria, se torna pra alguns monotonia e rotina, alguns viciados em paixão dizem que "não existe amor sem paixão".
"É que é preciso maturidade e estar disposto a saber lidar com o estranho amor para entender que a suposta calmaria pode sim se tornar algo muito interessante e com direito a frio na barriga.É que é preciso maturidade e estar disposto a saber lidar com o estranho amor para entender que a suposta calmaria pode sim se tornar algo muito interessante e com direito a frio na barriga."
"Afinal a paixão é viciante, mas nem todo mundo sabe usa com moderação."




Esse vídeo da "serenata de amor" que vi já há algum tempo e resolvi compartilhar com vocês, vale a pena assisti.

5 comentários:

Rodrigo Santos disse...

Nem sei mais o que é amor u.u kkkkk
Estou forever alone nível hard... mas enfim, concordo com isso aí eu acho. Primeiro a paixão.. depois o esfriamento, o estranhamento. É a vida..

gostei pra caramba desse layout *-* calminho e clarinho do jeito que eu gosto :
e essa foto aí, top model?! seduziu hein?! auhsuhashu

#Suzimara disse...

Bianca adorei o texto.. Achei bem legal porque não tinha visto nenhum texto fazendo essa diferença entre Amor x Paixão..
Adorei também o vídeo, bem interessante flor (:

รяª Nathalia disse...

Haaa.. o amor. Acho que nunca senti.
Foi somente uma paixão avassaladora (ding ding kkkkk). Foi ótimo mas passou.

Esse comercial da serenata é incrível!
moça não some não viu? u_u
Beiijos

Vic Mendes disse...

Olá! Adorei seu blog! vou vir sempre aqui. Aproveito a visita para lhe convidar a participar da Promoção de reabertura do site Quicce! http://www.quicce.com Não perca! Aguardo sua visita.bj

Agora tô pronta disse...

Nossa que bacana, eu adorei!
http://agoratopronta.blogspot.com/
@vanespp

Beijos Van <3

Postar um comentário